O que é advérbio, suas classificações e usos

Nos últimos tempos, tem crescido a  procura por blogs que ensinam Português ou que disponibilizam downloads grátis de material para estudar para concursos, vestibular e ENEM. Isso tem feito com que surjam diversos. Os mais comuns são:


Mas de todos esses assuntos, um dos que mais trazem dificuldade é o estudo das classes gramaticais. O advérbio é uma das classes que mais trazem complicações, pois muitas vezes é uma classe gramatical que se confunde com o adjetivo. Veremos neste blog como identificar o advérbio e suas classificações. Estudando isso, você terá um sono bem mais tranquilo e poderá sorrir mais.

O que é advérbio?


Advérbio é a palavra invariável que modifica o sentido do verbo, acrescentando a ele determinadas circunstâncias de tempo, de modo, de intensidade, de lugar, etc.
Ex. O blog Quero Aprender Português postou algumas dicas de redação.
O blog Quero Aprender Português postou recentemente algumas dicas de redação.
Nesse caso, recentemente modifica o verbo postar, pois acrescenta uma idéia de tempo.

Quais as características dos advérbios de intensidade?


Os advérbios de intensidade têm uma característica particular, pois além de intensificar o verbo, eles podem intensificar o sentido de adjetivos e de outros advérbios.
Ex. O post sobre a descoberta de um tumor escrito pelo metablogger é tocante demais.
Aquelas 100 dicas de Língua Portuguesa me ajudaram muito no vestibular.

O que é locução adverbial e como usá-la?


Locução adverbial é toda expressão formada por mais de uma palavra e que funciona como advérbio.
Ex. Publiquei uma charge sobre o combate ao estresse de manhã.

Como se classificam os advérbios?


Dependendo da circunstância que expressam, os advérbios classificam-se em:
Lugar: lá, aqui, acima, por fora, etc.
Modo: bem, mal, assim, devagar, às pressas, pacientemente, etc.
Dúvida: talvez, possivelmente, acaso, porventura, etc.
Negação: não, de modo algum, de forma nenhuma, etc.
Afirmação: sim, realmente, com certeza, etc.
Intensidade: muito, demais, pouco, tão, menos, em excesso, etc.
Tempo: agora, hoje, sempre, logo, de manhã, às vezes, etc.

O que são palavras denotativas?


Existem palavras e locuções semelhantes aos advérbios, as palavras denotativas, que indicam idéia de:
Inclusão: até, mesmo, inclusive, etc.
Exclusão: só, apenas, menos, etc.
Retificação: isto é, aliás, ou melhor, etc.
Explicação: por exemplo, ou seja, etc.

Aprenda muito mais sobre advérbios e suas classificações e usos


Advérbio é a classe de palavras que:

  • do ponto de vista sintético, vem associada ao verbo, ao adjetivo ou a advérbio, podendo inclusive modificar uma frase inteira;
  • do ponto de vista mórfico, é invariável;
  • do ponto de vista semântico, denota circunstâncias de modo, tempo, lugar, etc.

Exemplos: O juiz morava longe.
O jogo do super-homem deixava a família muito calma.
Falava muito bem.
Certamente, você concorda que a mídia influencia no consumo de drogas.
Conforme a circunstância que exprime, o advérbio classifica-se em advérbio:
  • de dúvida: Provavelmente iremos ao melhor churrasco de Porto Alegre.
  • de lugar: Ele mora perto.
  • de modo: Publicou o joguinho do Mickey para crianças apressadamente
  • de tempo: Nas férias, não deixava de fazer os melhores exercícios grátis sobre Análise Sintática.
  • de intensidade: Nunca olhou tão verdadeiramente naqueles olhos.
  • de afirmação: Realmente conhecia as melhores técnicas para falar em público;
  • de negação: Não negarás o direito de igualdade aos homossexuais.

Outra explicação sobre o que são locuções adverbiais

É a expressão formada de preposição + substantivo, ligada ao verbo com função equivalente à do advérbio.
Exemplo: Deu três pulinhos na beira da praia com desconfiança.

Aprenda mais sobre o grau do advérbio

  • Comparativo:
    —  de igualdade: Chegou tão cedo quanto eu.
    —  de superioridade: Chegou mais cedo do que eu.
    —  de inferioridade: Chegou menos cedo do que eu.
  • Superlativo absoluto:—  sintético: Acordei cedíssimo.
    —  analítico: Acordei muito cedo.
Observação: O advérbio apresenta ainda o grau diminutivo: Ele mora pertinho.

Aprenda mais sobre palavras denotativas


Certas palavras, apesar de apresentarem forma semelhante à dos advérbios, a rigor não podem ser consideradas como tais. Por isso, são classificadas à parte, como palavras denotativas, e servem para indicar:
—  inclusão: Inclusive ela tomou chá comigo.
—  exclusão: Todos, menos eu, usaram as melhores atividades prontas para alfabetização.
—  situação: Então o menino chegou-se até a janela e deu um grito.
—  retifícação: Os candidatos, aliás alguns candidatos, já estão em plena campanha eleitoral.
—  designação: Eis o blog com as melhores promoções da internet.
—  realce: Sabe lá quanto se gasta em promoções quando chega o Natal?
—  explicação: Aderiram à greve trezentos operários, isto é, setenta por cento do total.

Observação 1: Numa sequência de advérbios terminados em mente, o sufixo pode ocorrer só no último: Falou sábia e calmamente.
Observação 2: O advérbio onde pode combinar-se com a preposição a (= aonde) e com a preposição de (= donde) e o uso de cada uma das formas pode ser descrito assim:
—  Onde indica o lugar em que se situa a ação verbal. Exemplo: Onde você postou o joguinho on line grátis?
—  Aonde indica o lugar para o qual se dirige a ação. Exemplo: Aonde você quer chegar?
—  Donde indica o lugar do qual parte a ação. Exemplo: Donde você veio?

Diversos exercícios de gramática sobre advérbio


1) Transcreva os advérbios e locuções adverbiais que ocorrem no texto que segue:

"Ele já andava meio desconfiado vendo as fontes minguarem. E olhava com desgosto a brancura das manhãs longas e a vermelhidão sinistra das tardes. Agora, confirmavam-se as suspeitas.” (Graciliano Ramos)

Resposta: Já, meio, com desgosto, agora.

Questões de língua portuguesa sobre advérbio de 2 a 5

Analise o advérbio destacado de acordo com o código que segue:

A — advérbio modificando verbo;       C — advérbio modificando outro advérbio
B — advérbio modificando adjetivo;    D — advérbio modificando a frase toda.

2) “Achava tudo estúpido e sem sentido, incrivelmente absurdo.*' (Autran Dourado)  ( B )

3) "Naturalmente isso não tinha a menor importância (...)'* (Clarice Lispector; ( D )

4) "Os técnicos chegam mais tarde, e é como se para eles não houvesse mosquitos (...)” (Carlos Drummond de Andrade) ( C )

5) "Beijo pouco, falo menos ainda." (Manuel Bandeira) ( A )

Questões de 6 a 10

Classifique os advérbios destacados de acordo com o código abaixo:

A  — advérbio de negação;
B  — advérbio de lugar;
C  — advérbio de intensidade;
D  — advérbio de tempo;
E  — advérbio de dúvida.

6) A história da carta pouco me preocupava (...)” (José Lins do Rego) ( C )

7) "Ontem à noite Eu procurei Ver se aprendia Como é que se fazia Uma balada” (Oswald de Andrade)   ( J )

8) "Moro em terra dele, não lhe pago foro, porque aqui morou meti pai (. . .) (José Lins do Rego)  ( B )

9) "Essa conversa, é claro, não saiu de cabo a rabo como está no papel." (Graciliano Ramos) ( A )

10) "Talvez eu nunca mais torne a ver o sol.*'(Érico Veríssimo) ( E )

Veja mais alguns exercícios de Língua Portuguesa sobre advérbio.